Coluna de: Dr. Fábio Ravaglia - Ortopedia e Saúde

A obesidade é uma doença. Digo isto logo porque, sendo doença, é preciso ir ao médico, tratar e curar. Outrora, ser gordo fora considerada sinônimo de saúde e acho que tem gente que, equivocadamente, ainda pensa assim. O acúmulo de gordura no corpo pode ser causado quase pela ingestão de calorias na alimentação em quantidade superior àquela necessária para a manutenção diária do organismo. A causa precisa ser investigada para saber se também não há alguma disfunção. O certo é que, sempre, o paciente necessita de força de vontade para seguir o tratamento recomendado.
A obesidade é um mal que não deve ser negligenciado porque acarreta uma série de outras doenças. É uma das questões mais importantes que a saúde pública enfrenta hoje no Brasil e em diversos países. A Organização Mundial da Saúde – OMS alerta para o problema. Segundo o IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, quase metade da população brasileira está acima do peso. O excesso de peso e a obesidade aumentaram nos últimos seis anos no Brasil. Em 2011, o percentual de pessoas acima do peso foi de 48,5%, de acordo com estudo realizado pelo Ministério da saúde. Para saber se você está com sobrepeso, é utilizada uma equação. O IMC, índice de massa corporal, que é calculado por peso em quilogramas dividido pela altura em metros. A equação deve ser analisada, considerando a idade e o sexo da pessoa. Para indicar o índice de adiposidade, é tirada a circunferência da cintura. O IAC, índice de adiposidade corporal, é calculado pela divisão entre o produto da raiz quadrada da altura pela circunferência da cintura e a altura. Do resultado subtrai-se 18.
A obesidade é um fator que faz aumentar o risco de doenças cardiovasculares e de diabetes. Também é um fator que acelera ou provoca problemas ortopédicos. Para se ter uma ideia, dez quilos a mais aumentam em 25% o risco de dor nas costas, um dos problemas mais comuns entre os brasileiros. Os ossos  também podem sofrer com o excesso de peso porque aumenta o risco de lesões ortopédicas. A coluna e os joelhos são afetados se precisam suportar o sobrepeso. O excesso de peso pode contribuir para o inchaço nos pés e até para o aparecimento do esporão (o peso extra força determinada parte do pé, que fica vulnerável ao aparecimento da calcificação). O excesso de peso também pode causar a artrose, por sobrecarregar todas as articulações e, em especial, as de joelhos e pés. Os membros inferiores são responsáveis por sustentar a maior carga do corpo humano e o esforço é ainda maior quando o corpo está acima do limite do peso recomendado para a altura da pessoa.
O equilíbrio entre ingestão e gasto de calorias é fundamental para o bom funcionamento do organismo. A obesidade só é combatida com uma mudança comportamental. Reeducação alimentar, dieta orientada, atividade física, medicamentos e mudanças de hábitos. Um hábito bom a ser cultivado é o da caminhada. Por ser de baixo impacto, muitos endocrinologistas recomendam para pacientes obesos como atividade física, para sair do sedentarismo, ou como exercício físico, com um programa de treinamento para promover a queima das calorias e, consequentemente, perder peso. Siga as instruções do médico para se iniciar na caminhada. No começo, não exagere para não provocar lesões. Noto que é um engano pensar que atividade física piora as dores nas costas, por exemplo. Os exercícios físicos só fazem mal quando não são os apropriados e devidamente orientados e executados.
 
Fabio Ferraz do Amaral Ravaglia (CRM-SP 54.294 e RQE 11.990/89)
Cirurgião ortopedista, reumatologista e traumatologista, Fabio Ravaglia é presidente, desde 2005, do Instituto Ortopedia & Saúde (IOS) – organização da sociedade civil que tem a missão de difundir informações sobre saúde e prevenção a doenças, principalmente aquelas associadas à terceira idade, e que organiza o Projeto Cidadania – Caminhadas com Segurança, evento mensal que incentiva a atividade física e conta com uma feira social de saúde aberta à população para a realização de exames gratuitos.
www.ortopediaesaude.org.br www.osso.org.br
 
Mano Pizzaria

TV Bixiga News

TV BIXIGA NEWS

Entrevistas, comerciais, notícias e acontecimentos do bairro...

CLIQUE AQUI PARA ASSISTIR

Fotos Históricas

Última Edição